Seu imóvel é provavelmente um de seus bens materiais mais valiosos! Se você está procurando algo para agregar valor a ele, seja para uma possível venda ou mesmo para manutenção do seu patrimônio, pequenas mudanças como uma nova camada de tinta podem preencher esses requisitos. No post de hoje selecionamos algumas dicas para que você veja como uma boa pintura no imóvel pode valorizá-lo!

Conheça os benefícios da pintura

Pensamos muitas vezes que para tornar um imóvel mais atrativo e convidativo é necessário apostar em uma grande reforma. No entanto, uma nova pintura no local faz com que este desperte novos olhares. Além de acessível, a tinta cobrirá pequenos arranhões, sujeiras nas paredes e outros danos que ocorreram ao longo dos anos (devido ao desgaste natural ou eventuais acidentes), dando à propriedade uma sensação de novidade, frescor e agregando valor. O Sirecom-CE estima que os revestimentos em cerâmica valorizem o imóvel em 30% a 40%, podendo sua durabilidade chegar a 20, 30 anos, com a manutenção correta.

Escolha cores neutras

Se sua intenção é a venda do imóvel, para tornar a pintura ainda mais eficaz, opte por cores neutras. Tons neutros e claros farão com que o local pareça maior, além de transmitir aos possíveis compradores a sensação de estar em casa.

Evite a tentação de pintar tudo de branco, no entanto: ele é um tanto quanto sem graça e impessoal. Aposte em pequenas variações nas tonalidades: elas transformam seu imóvel em um modelo de mostruário, elegante e calmo.

Aposte nas texturas

As texturas se tornaram revestimentos de grande popularidade, seja por sua facilidade de aplicação ou pelo fator decorativo e moderno que elas trazem. Além de denotar estilo e ousadia, as texturas também são ótimas aliadas para disfarçar imperfeições, mas atenção: não deixe de consertar infiltrações e rachaduras nas paredes. A pintura por cima desse tipo de dano o esconderá, mas logo aparecerá de novo, muitas vezes piorado.

Sua aplicação pode ser feita como alternativa à massa corrida, como reboco ou em superfícies de pouca aderência, como placas de PVC e madeira. Seu custo pode ser mais elevado, chegando a dobrar, mas o ambiente se torna descontraído, acolhedor ou austero, dependendo de sua escolha (além de, como já mencionamos, esconder pequenas imperfeições). Seja um grafiato no interior da casa ou até mesmo uma aparência mais rústica utilizada no exterior, elas vão elevar o seu imóvel a outro patamar.

Olhe além das paredes

As paredes são os lugares óbvios para pintar, mas não se esqueça de outras áreas de sua casa. Você tem uma porta antiga que precisa ser evidenciada? Jogue uma camada de tinta sobre ela para torná-la a grande atração. É a fachada que precisa de uma mudança de visual? Pinte-a também. Olhe para tudo, desde os rodapés às sancas (moldura de gesso instalada entre o teto e as paredes), e determine o que precisa ser pintado. Pequenos detalhes fazem toda a diferença!

Ao pensar sobre possíveis projetos de casa que aumentarão o valor do imóvel, seja como patrimônio ou com o intuito de venda, uma nova pintura retornará o seu investimento de maneira rápida e muitas vezes, além do valor que se espera. Tenha em mente que a seleção de um bom profissional para a realização do serviço e a compra de tintas de qualidade em lojas especializadas farão com que o material renda mais e tenha uma qualidade de acabamento melhor.

Gostou das nossas dicas sobre como uma boa pintura de imóveis pode valorizá-lo? Não deixe de conferir também nosso post sobre quais são as cores do momento e comente aqui embaixo!